09 agosto 2008

Triumvirat - The Deadly Dream of Freedom (Spartacus).

Esta é, provavelmente, a imagem sonora mais forte que guardo da minha infância. Este tema é, provavelmente, o grande responsável pela minha paixão e eloquência pela música desde sempre. Tenho-o perfeitamente presente... devia eu ter 4 anos... o meu pai, na cave lá de casa, depois de jantar, punha diversos vinis a tocar e eu deliciava-me com o que ouvia e observava... com a magia do gira-discos a rodas e dos rótulos colados no centro dos vinis. Fixava as capas dos discos e o nome das bandas. Tudo para mim era magia na altura... hoje é paixão! Na altura, aqueles momentos eram saboreados ao limite, visto que não tardaria aparecer a minha mãe para me ir deitar... Antigamente, as crianças deitavam-se cedo!

Os alemães Triumvirat têm um som jazz rock épico, quente e arrepiante... não, não conseguirão aperceber-se ou senti-lo a ouvir no you tube! É preciso uma aparelhagem a sério! Com amplificador, colunas grandes, gira-discos, e é claro, o vinil! A magia é reforçada neste álbum, Spartacus, cuja capa preta com a fotografia de um hamster dentro de uma lâmpada encanta pela originalidade, num ambiente típicamente anos 70. Aliás, o disco é de 1976!





"In the night, we lie awake
And see the hazy shades of dawn
There's no rest for those who die
The deadly angel greets the morn

I have a dream that we can change it
You need just a glimpse of hope and I
Will be your leader in the fight against Rome
We're united, so you don't stand alone

In the night, you hear the drums
The last and longest fight begins
Your knife is sharp and in your mind
You know this time we got to win

I can see the face of fate is turning
We can throw the ball and chain away
We can make it happen just as long as you believe
Together we stand up for our peace".


Enfim... Como diria a Lover "I was born like this, I had no choice...".

Sérgio

5 comentários:

Lover disse...

ahaha;) é mesmo isso, como diz o nosso "Tio Cohen - I was born like this, I had no choice...melhor ainda hoje sentir que afinal, "we were born like this, we had no choice!"...e ainda bem! ;)

Não tenho memória deste grupo, não me sendo a sonoridade totalmente desconhecida, tenho de "investigar" mais a fundo, este exemplo abriu apetite...
estas heranças dos nossos pais, são preciosas...este final de semana tive o meu cá em casa, só os dois, e como sempre a boa música faz parte das nossas partilhas e recordações ;)
E falei da rádio do teu pai ;)(aquela que tens de reactivar)...

Bom dia & boa semana.
beijo

Mizé disse...

I´m just glad you haven´t got the chance to choose...

You are good just as you are!!

Don´t change my friend!

Bjs

2 manorados + disse...

Nasceste assim, mas podias ser menos quebradiço hehehehe

Diácono Remédios disse...

Mas o que vem a ser istozezeze... é loverzezeze... é mizézeze... e ainda por cima + 2 namoradoszeze... que profunda mal dissenciazeze... Vou falar com o meu amigo Ratzingerzezeze... para acabar com este borlogue de vezzezeze!

BIGAMO disse...

diácono,
Tem algum problema em ser bigamo ???
pois olhe que é bem melhor sê-lo do que andar a desflorar pequenas freiras lolol